Socorro Lima Dantas

 

 

 

 

São sentimentos perdidos,
estilhaçados com os espinhos das flores,
que em nossos encontros me presenteaste,
Quem diria, tão perfumadas...
Entre as folhas, escondiam os espinhos...
que ficaram cravados no peito,
machucado com a dor da partida.
Alertada pela tórrida terra
quando os meus pés o chão pisei,
senti de perto o sabor da emoção entregue...
e hoje perdida... Fico imaginando, pensando...
Como foi fantasioso segurar por tanto tempo
um tesouro que eu carregava no peito,
e acreditava nunca iria perder.
o meu amor tão puro
que a ti entreguei totalmente,
tão ingenuamente !
hoje, a alma dói, o peito está ferido
são sentimentos perdidos...
que eu não consigo conter.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Copyright © 2007 - Fragmentos dos Meus Sonhos - Socorro Lima Dantas

 Todos os direitos reservados.
Publicado: 13.01.2007