*

*

 

 

*


*

 

*

 

 

 

Socorro Lima Dantas

 

 

 


Sou uma náufraga
Estou no meio do oceano
A deriva... Sem rumo...
Encontro-me
Entre as folhas do meu caderno
Que flutuam soltas – em branco –
Esperando que eu me agarre a elas
Para compor a nossa história oculta,
Protegida em segredo há tanto tempo...


Neste estado imerso,
Vou flutuando sem direção.
Fico quietinha... Para refletir
Sobre o amanhã incerto e já desvanecido.
Só escuto as ondas revoltas
Batendo em meu rosto
Para que eu desperte desta letargia.


Da nostalgia do ontem tão distante
Sinto apenas o som do vento
A luz do sol e o azul do céu
Quem me faz companhia
Tentando erguer a minha alegria
Deixada na areia da praia
Quando adentrei ao mar
Para pensar... Refletir...
O que a vida ainda pode me ofertar
E numa só folha, tudo eu contar.
 

 


 
 
 

 

 

 

 

 

 

 

Copyright © 2007

Fragmentos dos Meus Sonhos  -  Socorro Lima Dantas

 Todos os direitos reservados

Publicado: 13.01.2007